segunda-feira, 20 de junho de 2011

Colossenses 2:16. Um texto anti-sábado???

Ninguém, pois, vos julgue por causa de comida e bebida, ou dia de festa, ou lua nova, ou sábados, porque tudo isso tem sido sombra das coisas que haviam de vir...
Colossenses 2:16-17

Para ouvir esse sermão apenas clique em Play


O texto de colossenses 2:16 tem sido frequentemente evocado para esclarecer, ou provar a abolição do sábado bíblico (o sétimo dia da criação (Gênesis 2:1-3), e o quarto mandamento da lei de Deus (êxodo 20:8-11) por parte de religiosos, pastores, teólogos cristãos que defendem a guarda do domingo, ou a guarda de qualquer dia, ou de dia nenhum para os seguidores de Jesus Cristo.

Nesse sermão exploro alguns argumentos contextuais relativamente incomuns nessa discussão, que geralmente é tratada/resolvida no mundo adventista com um estudo entre sábados cerimoniais (dos quais Paulo estaria tratando nesse verso) e o sábado da lei moral. Eu entendo essa divisão e a aceito em certo sentido com referência a esse texto, mas creio que existem outras argumentações legítimas, e por vezes negligenciadas para explicar esse texto inspirado pelo Espírito Santo de Deus, e que reflete uma absoluta verdade (João 17:17).


Graça e paz!

9 comentários:

A.m disse...

Eu acredito que esse texto se refere a nós adventistas, que muitas vezes julgamos pessoas que n guardam o sabado, achamos que se a pessoa n guardar o sabado n é capaz de servir a Deus em nenhum aspecto... Ou então o texto se refere pelos outros que julgam os que guardam o sabado.. :)

Videoaulas disse...

Segue a interpretação adventista atual sobre o assunto:“Uma importante questão hermenêutica (ou interpretativa) suscitada por Gálatas diz respeito à natureza da lei de que se fala o apóstolo. Espera-se que, depois dessas lições, tenhamos sepultado para sempre aquela velha distinção entre lei moral e lei cerimonial como a chave para se entender a epístola. Não que não houvesse leis morais e cerimoniais na vida do antigo Israel, mas o ponto é que tal distinção não é de forma alguma a solução para se interpretar Gálatas ou quaisquer outras passagens em que Paulo parece falar da lei de uma perspectiva negativa. Introduzido pelos nossos pioneiros em meados do século dezenove e no contexto das discussões quanto à validade do sábado, o argumento – de que quando Paulo parecia falar mal da lei ou enfatizar sua temporariedade ( como em Gl 3:24-25), ele tinha em mente a lei cerimonial, e de que, quando falou bem da lei (como em Rm 7:10-14), ele se referiu à lei moral – não está correto, apesar de sua praticidade e eficiência evangelísticas. A lei em Gálatas não é a lei cerimonial, mas principalmente a lei moral, pois é a lei moral que revela o pecado, condena o pecador e o conduz a Cristo. É disso que Paulo falou nessa carta. Em Hebreus, sim, o ponto é a transitoriedade da lei cerimonial e, com ela, de todo o sistema sacrificial levítico (Hb 8:7-13; 9:9-10; 10:1-10). Mas, em Gálatas, como em Colossenses 2.14 e 2 Coríntios 3:7-11, o apóstolo se referiu sobretudo à lei moral. (Wilson Paroschi – Lições de Gálatas - Revista Adventista, maio de 2012, p.18 – destaque nosso).

Ezequiel Gomes disse...

Olá "vidoaulas"! excelente comentário! pena que praticamente não tocou no texto de Cl 2:16, que é o objeto do sermão desse post, apenas colocou Cl 2:14 como se referindo sobretudo á lei moral, o que é difícil de ver pela "remoção" das referidas ordenaças, uma vez que os mandamentos da lei moral não foram removidos! mas tranquilo! muito boa a iniciativa de trazer o texto do Pr. Paroschi! abração

Desafio Cristão [Hélio S.Júnior] disse...

Irmão Ezequiel Gomes, graça e Paz!

Este é o segundo (ou terceiro se não me engano) sermão que ouço, e confesso que gostei muito da sua pregação, da sua maneira de abordar as "dificuldades" doutrinarias da IASD sem medo. Parabéns!

Que Deus lhe abençoe!

Sobre o sermão de Colossenses 2:16

Está faltando algo...

Concordo com muita coisa que o irmão disse. Paulo está sim dirigindo-se a uma heresia sincretística que era uma mistura da adoração de anjos e práticas ascéticas, etc. Mas creio também que misturado a tudo isso estava o elemento judaizante (os judeus legalistas que empurravam a lei judaica) que estavam tentando influenciar estes novos cristãos.

Em Colossenses 2, o foco está na parte judaica da heresia. Começando com verso 11, Paulo se concentra no fato que a circuncisão foi substituída pelo batismo, desse modo a circuncisão não é mais requerida.

Depois então ele indica que a certidão de nossos pecados é pregada na cruz, assim que nós aceitamos Jesus. E finalmente, Paulo discute os últimos dois diferenciadores judaicos nos versos 16 e 17.

Eu acredito que Paulo esteja dizendo aos Colossenses que eles não deviam deixar estes judaizantes colocarem culpa neles sobre as leis de alimento, festas, luas novas ou os sábados, porque estas eram parte do sistema que prefigurava ou apontava adiante para Cristo.

E foi justamente esta questão do Sábado como Sombra de Cristo a parte que infelizmente o senhor nem sequer mencionou.

Veja, o senhor ensinou que o sábado em Colossenses 2:16-17 é o sábado semanal, é que a questão é forma deturpada da guarda do sábado. O senhor não acha que essa explicação é falha por não explicar porque Paulo chamou o Sábado de uma Sombra?

O senhor falou sobre Colossenses 16, mas esqueceu de mencionar o versículo 17. O claro problema bíblico com a interpretação do irmão é que o versículo 17 descreve estes sábados e festas como "sombras das coisas vindouras", mas a "realidade é Cristo." Essas festas religiosas, incluindo o sábado, eram símbolos que apontavam adiante para Jesus. Eram prefigurações tipológicas de Jesus. Como poderia a perversão de um símbolo ser uma sombra ou uma prefiguração de Cristo?

A tradução mais razoável do texto é que o sábado semanal está incluído no sistema cerimonial/sacrificial que FOI CUMPRIDO EM CRISTO!Nenhuma outra explicação faz sentido para mim. Nenhuma outra interpretação faz juz ao contexto ou à construção literária do Velho Testamento.

Na primeira vez que você ler o texto da maneira que Paulo claramente pretendeu fazer, creio que você não poderá acreditar no que estará lendo! Paulo estava fazendo uma afirmação de transição radical aqui! O sábado cumprido em Cristo? Pode isso ser verdade? Muitas questões vão estalar em sua mente. E os Dez Mandamentos? Foi o sábado instituído na criação? Você fará muitas perguntas.

Mas pelo pouco que conheci do irmão e seu blog vi que o irmão é um incansável Bereano e achará a resposta Bíblica para essas e demais perguntas.

Se puder gostaria da opinião do irmão sobre uma postagem que publiquei no meu blog sobre o Descanso de Deus. A realidade para a qual a sombra do sábado apontava:

Entrando no Descanso de Deus: Um Estudo de Hebreus 3 e 4

Em Cristo, seu amigo e irmão,

Hélio S. Júnior
==========

luiz antonio disse...

Acredito que ha distinção entre lei cerimonial e moral, mas acredito no comentario do Pr paroschi, Vejo que adventistas pensam muito no Deus Sabado, e o amor? por que parece um Deus pra eles ? a lei cerimonial foi resumida em ame a seu proximo como a ti mesmo ? não! GALATAS 5 14 .essa lei é a moral!. e nem podemos afirmar que toda lei esta ai dentro dessa afirmação, ACREDITO nessa verdade, amar o sabado junto de seus mandamentos do decalogo não é sinal de amar a Deus, Jesus disse quem me ama guarda meus mandamentos.
isso é o que ele ensinava aos discípulos antes da lei ser consumada na cruz, e aos que dizem maria e as outras pessoas guardaram o sabado, sim guardaram e sabe porque amados? elas eram acostumadas a fazer isso, vamos ver, pedro teve uma visao de Deus sobre o cesto com alimentos imundos , pois Deus queria lhe revelar que ele ja não fazia diferença entre os judeus e os impios para salvação, ATOS 10 9 E depois da morte de cristo O QUE PEDRO FEZ galatas 2 11 ele se afastou dos gentios por causa da circunsisão lei tambem abolida na cruz lei cerimonial então isso sinifica que eles faziam por costume mesmo que Deus houvesse falado uma coisa eles faziam outra, bom para encerrar ,Quem ama A Deus ama ao proximo, porque Deus ama o homem a quem ele criou e o fez com suas proprias maos e direi mais se amo ao proximo de verdade Deus habita em mim com isso se cumpre aquilo que Cristo disse: não ha mandamento maior do que dois. mateus 22 37 39 amar a DEUS e ao próximo. lembre se amados o ladrão foi salvo por mandamentos ? foi pela Graça? Não tambem isso é serio . Cristo Não havia morrido ainda e estava com todos pecados da humanidade, Foi sua fé, por que Somente Deus salva e por causa da sua afirmativa ele é o filho de DEus pois os sabatistas a maioria diz que esse é o selo de Deus O SABADO, então qual sera o selo do ladrão ? pois ele não guardou o sabado e as leis morais senão não seria o ladrao da cruz. não foram os 10 mandamentos que o salvou,. Bom amados se tiramos o sabado e as outras leis do decalogo o que resta de nós sobre moralidade então ? seremos como mostros ? pessoas horríveis, que matamos,roubamos e mentimos etc. Não! Não! Não porque quem guarda o sabado diz aos que não guardão : então podemos matar e roubar, so mata quem não tem o Espirito de Deus
Agora não preciso do mandamento para dizer isso AME A DEUS , NÃO MATE , FAÇA ISSO , FAÇA AQUILO ENFIM é claro que o mandamento serve como parametro pois lemos o antigo testamento e tiramos o melhor de lá
mesmo assim todo o antigo testamento forá ESCRITO aos judeus para nós os da graça agora nossa lei é a do Espirito Santo É ele quem nos convence do pecado se ele Habita em nós amamos a Deus ao proximo e consiguimos fazer sua vontade e como esta nesse livro que indiquei CONTRA TODOS OS FRUTOS DO ESPIRITO QUE FALAM SOBRE ATITUDES MORAIS, CONTRA TODAS ESSAS COISAS NÃO HÁ LEI. se tiver duvida leia o titulo é VIDA PELO ESPIRITO GALATAS 5 22 FRUTOS DO ESPIRITO SANTO. Deus abençoe a todos. A GRAÇA E a Paz de Cristo JESUS.

Waldecy A. Simões disse...

Colossenses, fácil de entender
PARTE 1 DE 2
“Ninguém, pois, vos julgue por causa de comida e bebida, ou dia de festa, ou lua nova, ou sábados”. Colossenses 2:16.
Interpretar o verso acima é simples e fácil, mas a maioria da uma boa “enrolada”, cada uma mais lamentável que a outra.
Vamos, então, à principal colocação bíblica acima, altamente preferida pela extensa maioria ortodoxa, católica e evangélica para tentar anular os sábados santos e abençoados por Deus, mas eles todos não consideram a Verdade bíblica que revela, sem possibilidades de refutações. Onde Está Escrito que o principal apóstolo do Espírito Santo, Paulo, santificava os sábados e toda a sua Igreja Primitiva, preceitos abaixo colocados.

Ora, não dizem os sábios que um exemplo vale mais que mil Palavras? O apóstolo Paulo, Jesus e toda a Igreja Primitiva nos deu exemplos santificando os sábados santos e benditos de Deus, assim como ele o nomeou. O sábado está repetido por 10 vezes no Evangelho, mais do que os outros nove mandamentos: Marcos 2:28; Lucas 4:16; Lucas 23:55; Atos 16:13; Atos 13:41; Atos 18:4; Atos 1:12; Atos 24:20; Hebreus 4:4; Mateus 5:17 e seguintes.
Quem escreveu esse verso de Colossenses? Acaso não foi Paulo? Ora, então, como querem todos eles, ao tentar com essa colocação anular os santos sábados fazem do apóstolo Paulo, que falava e escrevia inspirado pelo Espírito Santo, um MERO CONTRADITÓRIO. Então, quem se atrever a julgar que em Colossenses 2:16 Paulo está anulando os santos sábados, está nomeando-o de confuso e contraditório, pois mesmo décadas após a Ressurreição de Jesus, ele levava toda a sua Igreja e quase toda a cidade a louvar aos sábados.. É possível?
“No dia de sábado, saímos fora da porta, junto ao rio, onde julgávamos haver um lugar de oração; e, assentando-nos, falamos às mulheres que para ali tinham concorrido”. Atos dos Apóstolos 16:13.
Esse preceito revela, com toda clareza, um culto de louvor aos sábados pelos cristãos. As mulheres cristãs sempre trabalhavam, só não aos sábados. Então, segundo o preceito acima, estavam em dia de descanso, santificando os sábados assim como os homens!

“No sábado seguinte, concorreu quase toda a cidade para ouvir a palavra de Deus, mas os judeus, vendo aquela concorrência, encheram-se de inveja...”. Atos 13:41 - 44.
Se os judeus encheram-se de inveja não se tratava de uma reunião judia aos sábados, pois aconteceu ao ar livre, junto a um rio, pois é evidente que, quase toda a cidade não caberia num salão ou num templo, então, está claro que essa reunião, para adoração, no santo dia do Senhor, foi realizada ao ar livre.
Tratou-se de um culto cristão sem teto, nem paredes, que reuniu quase toda a cidade
CONTINUE NA PARTE FINAL

Waldecy A. Simões disse...

Colossenses, fácil de entender
PARTE FINAL

para louvar no sábado. A Palavra Escrita registrou essas duas revelações e várias
outras idênticas colocadas a seguir como veremos, exatamente para revelar-nos que o sábado sempre será o Dia do Senhor, não importa que no catecismo católico, como também na maioria dos seguimentos evangélicos esteja completamente diferente da Proclamação do Deus Imutável

Então, como não é possível o apóstolo Paulo se contradizer no Evangelho, pois Estaria em Jogo a Inspiração do Espírito Santo, vamos buscar a solução para uma correta interpretação desse Colossenses 2:16, usado falsamente pelos inimigos do Sétimo Dia: continue na parte FINAL
“... eis que cercarei o seu caminho com espinhos. Reterei, a seu tempo, o meu trigo e o meu vinho, e arrebatarei a minha lã e o meu linho, que lhe deviam cobrir a nudez. Ninguém a livrará da minha mão. Farei cessar todo o seu gozo, as suas Festas
Colossenses 2:14-16 explicado
de Lua Nova, os seus sábados e todas as suas solenidades. Devastarei a sua vide e a sua figueira...”. Maldições do Senhor ao seu povo desobediente e ingrato, em Oséias, capítulo 2.
Isaías escreveu igual:
“De que me serve a mim a multidão de vossos sacrifícios? -- diz o SENHOR. Estou farto dos holocaustos de carneiros e da gordura de animais cevados e não me agrado do sangue de novilhos, nem de cordeiros, nem de bodes. Quando vindes para comparecer perante mim, quem vos requereu o só pisardes os meus átrios? Não continueis a trazer ofertas vãs; o incenso é para mim abominação, e também as Festas da Lua Nova, os sábados, e a convocação das congregações; não posso suportar iniquidade associada ao ajuntamento solene. As vossas Festas da Lua Nova e as vossas solenidades, a minha alma as aborrece; já me são pesadas; estou cansado de as sofrer. Pelo que, quando estendeis as mãos, escondo de vós os olhos; sim, quando multiplicais as vossas orações, não as ouço, porque as vossas mãos estão cheias de sangue”. Isaías, 1.11 a 15.
Portanto, em Colossenses 2:14-16, como fez na Carta aos Gálatas, Paulo estava recriminando os judeus que ainda teimavam em manter práticas de sua tradições que não se encaixavam no Evangelho da Graça e da Liberdade
Waldecy Antonio Simões walasi@uol.com.br

Waldecy A. Simões disse...

A Maioria dos pastores evangélicos interpretam errado a Carta aos Gálatas (Parte 2)
(há alguns que vos inquietam... Gálatas 1:7) cujos membros não se conformavam que as leis antigas, as de seus pais, das suas tradições, muitas vezes seculares, a partir de Jesus deixaram de existir na implantação da Nova Mensagem de Deus à Humanidade. Curiosamente isso se caracterizou em mais um milagre grandioso de Jesus não notado: Fez os judeus, em boa parte deles, abandonarem as ordenanças antigas, suas tradições antigas, suas leis antigas, enraigadas em suas almas, mesmo que algumas delas se caracterizassem como cargas pesadas - segundo o próprio Jesus declarou, abaixo colocado - a favor da Nova Religião, da Religião da Graça, e da Liberdade, pois realmente foi difícil, mas Está Escrito que as tais leis e ordenanças retrógradas, que escravizavam, que amaldiçoavam e que podiam matar dentro da lei, só vigoraram até João (Batista) Lucas 16:16. Portanto, principalmente em Gálatas e em Efésios.
“Eu quereria que fossem cortados aqueles que vos andam inquietando”. Gálatas 5:12. O Paulo, se referindo ao rebelde grupo de gálatas.
“Pois atam fardos pesados e difíceis de suportar, e os põem aos ombros dos homens; eles, porém, nem com seu dedo querem movê-los...”. Jesus, em Mateus 23:4, se opondo contra os fariseus e suas leis retrógradas, as mesmas condenadas pelo apóstolo Paulo, pois quanto às leis do Decálogo, veremos agora como o apóstolo Paulo se referia a elas:
A hora da Verdade do apóstolo Paulo: Principalmente na Carta aos Gálatas, ele abominava as leis que só vigoraram até João, mas quanto às leis do Decálogo, se confessa escravo delas:

“Graças a Deus por Jesus Cristo, nosso Senhor. De maneira que eu, de mim mesmo, com a mente, sou escravo da lei de Deus, mas, segundo a carne, da lei do pecado”. Romanos, 7:25.

“Porque, no tocante ao homem interior, tenho prazer na lei de Deus”. Romanos, 7:22.

“Para Deus não há diferença de pessoas. Assim, pois, todos os que sem a lei pecaram, também sem lei perecerão; e todos os que com a lei pecaram, mediante a lei serão julgados, porque os simples ouvidores da lei não são justos diante de Deus, mas todos os que praticam a lei hão de ser justificados”. Romanos, 2:12. Aqui, Paulo, novamente, ressalta o valor dos Mandamentos, e lembrando que são Dez!

“... se tornou manifesto e foi dado a conhecer por meio das Escrituras proféticas, segundo o mandamento do Deus eterno, para a obediência por fé, entre todas as nações”. Paulo, em Romanos, 16:25.

Paulo, o santo em vida, revela que não haveria pecado sem que houvesse antes a Lei instituída, promulgada e propagada e ainda cita uma das leis do Decálogo provando que se referia, de fato, às Dez Leis:

“Que diremos, pois? É a lei pecado? De modo nenhum! Mas eu não teria conhecido o pecado, senão por intermédio da lei; pois não teria eu conhecido a cobiça se a lei não dissera: Não cobiçarás”. Romanos, 7:7.

“Por conseguinte, a lei é santa; e o mandamento é santo, justo e bom”. Romanos, 7:12.

Então, o Evangelho nos prova que Paulo jamais abominou uma só das 10 leis do Decálogo, ao contrário, imitando Jesus no Sermão do Monte, legitimou-as como os fundamentos do Evangelho de Cristo. Continue

gerson grubert disse...

É duro a gente ter que ler comentários totalmente descabidos, sem nenhum fundamento bíblico, simplesmente porque o indivíduo pensou com a mente já pré-configurada por determinada doutrina! Não é esse o procedimento, senhores.
Vamos à REALIDADE:
1º O que é uma carta? Como se lê uma carta? Quando o carteiro chega em sua casa e lhe entrega uma carta você deve fazer duas perguntas: QUEM MANDOU A CARTA? e PARA QUEM É ESTA CARTA? Pois ninguém fez estas perguntas ao comentar Colossenses 2:16!
Como se lê uma carta? DO MEIO EM DIANTE??? Como vocês podem comentar um 'parágrafo' da carta sem ter lido ela desde o começo? Viraram ADIVINHOS??? Parece que é esse o papel de muitos "comentaristas" bíblicos!
Onde ficava Colossos? Era uma cidade antiga da Frígia, localizado na atual Anatólia na TURQUIA, na província de Denizli. Portanto, era uma igreja GENTIA! Corroborada essa interpretação CINCO VERSÍCULOS ANTES do versículo discutido: "em quem também fostes circuncidados com A CIRCUNCISÃO NÃO FEITA POR MÃOS no despojar do corpo da carne, a saber, A CIRCUNCISÃO DE CRISTO..." (Colossenses 2:11) Ou seja, não eram circuncidados na carne, mas tinham a CIRCUNCISÃO DO CORAÇÃO! "...e a vós, quando ESTÁVEIS MORTOS nos VOSSOS DELITOS e na INCIRCUNCISÃO DA VOSSA CARNE, vos vivificou juntamente com ele, perdoando-nos TODOS OS DELITOS; havendo RISCADO A CÉDULA QUE ERA CONTRA NÓS EM SEUS PRECEITOS... CRAVANDO-A NA CRUZ!" (Colossenses 2:13-14) Agora sim: "Portanto, NINGUÉM (dos judeus) VOS JULGUE (em relação) AO COMER, AO BEBER, OU FESTAS, OU LUAS, OU SÁBADOS, que são SOMBRAS DO QUE ESTÁ POR VIR... NINGUÉM VOS PRIVE DA HERANÇA fingindo humildade ou culto a anjos, fundamentando-se em visões, ostentando a inútil arrogância do seu CONHECIMENTO CARNAL... Se morrestes com Cristo quanto aos rudimentos do mundo, POR QUE VOS SUJEITAIS AINDA A PRECEITOS, COMO SE VIVÊSSEIS NO MUNDO...?
Infelizmente, TODOS OS QUE AINDA SE BASEIAM NA LEI DE MOISÉS ESTÃO VIVENDO NO MUNDO, E NÃO LIGADOS À CRISTO ONDE VAI CRESCENDO EM AUMENTO DE DEUS! SIM, ESSES PRECEITOS ATÉ TEM ALGUMA APARÊNCIA DE SABEDORIA, DEVOÇÃO VOLUNTÁRIA, HUMILDADE, DISCIPLINA DO CORPO... MAS... MAS... NÃO TEM VALOR ALGUM... SENÃO O DE... SATISFAZER A CARNE! (Colossenses 2:23), OU SEJA: FARISAÍSMO.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...