domingo, 27 de abril de 2014

10 pragas e 1 cordeiro (Sermão em áudio)

O cordeiro será sem defeito, macho de um ano...
Êxodo 12:5

Para ouvir esse sermão apenas clique em Play


A história do Êxodo inclui a libertação do povo de Israel do Egito passando por 10 pragas e 1 cordeiro. Nessa mensagem eu exploro um pouco dessa dinâmica a fim de retirar lições espirituais que nos auxiliem na compreensão da Palavra de Deus e em nossa vida espiritual.


Graça e paz!!!

Saibam mais...

domingo, 20 de abril de 2014

Enquanto a libertação final é apenas profecia... (Sermão em áudio)

Vem, agora, e eu te enviarei a Faraó, para que tires o meu povo, os filhos de Israel, do Egito
Êxodo 3:10

Para ouvir esse sermão apenas clique em Play


Nessa mensagem exploro como deve ser nossa postura espiritual enquanto as promessas de bênçãos e salvação eterna não e concretizam na realidade. Que muitas pessoas possam ser edificadas por esse sermão.


Graça e Paz!!! 

Saibam mais...

terça-feira, 15 de abril de 2014

Deus sabe, Deus ouve, Deus vê (Sermão em áudio)

Disse ainda o SENHOR: Certamente, vi a aflição do meu povo, que está no Egito, e ouvi o seu clamor por causa dos seus exatores. Conheço-lhe o sofrimento 
Êxodo 3:7

Para ouvir esse sermão apenas clique em Play


Nessa mensagem eu exploro a realidade de que Deus conhece o sofrimento ao qual os seres humanos estão presos neste mundo e os visita para realizar sua obra em favor de sua salvação. Que essa mensagem sirva de consolo e fortalecimento para todos aqueles que a ouvirem.


Graça e Paz!!!

Saibam mais...

domingo, 13 de abril de 2014

Do paraíso à escravidão (Sermão em áudio)

Sabe, com certeza, que a tua posteridade será peregrina em terra alheia, e será reduzida à escravidão, e será afligida por quatrocentos anos.
Gênesis 15:13

Para ouvir esse sermão apenas clique em Play


Nessa semana iniciamos uma série de 8 sermões sobre o livro do Êxodo. Tal livro é fundamental na teologia bíblica e espero que muitas pessoas sejam edificadas a partir do seu estudo.


Graça e Paz!!!

Saibam mais...

terça-feira, 8 de abril de 2014

Nos Bastidores do Ecumenismo (Sermão em áudio)

a fim de que todos sejam um; e como és tu, ó Pai, em mim e eu em ti, também sejam eles em nós; para que o mundo creia que tu me enviaste. 
João 17:21

Para ouvir esse sermão apenas clique em Play


Nessa mensagem eu exploro a ideia da unidade entre os cristãos através da união com o catolicismo romano e sobre como a Bíblia pode nos ajudar a entender as tendências que vemos em nosso mundo atual nessa direção. Que muitos possam ser abençoados por essa mensagem!


Graça e Paz!!!

Saibam mais...

quinta-feira, 3 de abril de 2014

Buscando a Deus segundo foi ordenado! Podemos adorar a Deus com músicas que tenham bateria?

Buscar-me-eis e me achareis quando me buscardes de todo o vosso coração.
Jeremias 29:13

Para ouvir esse sermão apenas clique em Play


Dentro da igreja cristã existem muitas discussões sobre música e uma dessas discussões gira em torno da ideia se usar elementos de percussão na adoração a Deus é algo aceitável ou não. Nessa mensagem eu trabalho esse tema com o objetivo de elucidar algumas questões em torno da problemática. Espero que todos que ouvirem essa mensagem sejam edificados pelo conhecimento da Palavra de Deus


Graça e Paz!!!

Saibam mais...

Sem santificação ninguém verá o Senhor

Segui a paz com todos e a santificação, sem a qual ninguém verá o Senhor 
(Hebreus 12:14)

Alguns adventistas gostam de defender que a SALVAÇÃO é conquistada em última instância através da SANTIFICAÇÃO, o que para eles é uma conclusão lógica de Hebreus 12:14. "Se sem santificação ninguém verá ao Senhor, então alguém deve atingir um grau X ou Y de santificação para poder ver o Senhor, e ver o Senhor é igual a ser salvo. Portanto, as pessoas são salvas em última instância através da santificação, sem a qual, nada feito".

A partir desse pressuposto tais adventistas buscam nos escritos de Ellen White frases/conceitos que corroborem esses pensamentos. Uma vez que ela escreveu centenas de textos sob a temática "santificação" não será difícil encontrar citações sobre a importância dessa experiência que possam se adaptar aos presupostos de quem quer que seja.

A título de representação algumas dessas citações dizem assim:

"os que verdadeiramente são santificados [...] OBEDECERÃO À PALAVRA DE DEUS... Emoção não é santificação. INTEIRA CONFORMIDADE com a vontade de nosso Pai que está no Céu é tão-somente o que constitui santificação, e a vontade de Deus é expressa em Sua santa lei. A OBSERVÂNCIA de TODOS os mandamentos de Deus é santificação."
(Fé e obras, p.121)

"Os seguidores de Cristo devem tornar-se semelhantes a Ele - pela graça de Deus devem formar caráter em harmonia com os princípios de Sua santa lei. Isto é SANTIFICAÇÃO bíblica."
(O grande conflito, p. 489)

O palco está montado para que alguns cheguem à seguinte conclusão:

Santificação é OBEDECER a Palavra de Deus...
Santificação é INTEIRA CONFORMIDADE com a vontade do Pai, tal vontade está expressa na Sua SANTA LEI...
Santificação é a OBSERVÂNCIA DE TODOS OS MANDAMENTOS...
Sanficação é ter um CARÁTER semelhante ao de Cristo, em hamonia com os princípios da LEI.

Juntando tudo em uma grande e "magnífica" conclusão só, temos a proposição...

A SALVAÇÃO é atingida pela obediência à Palavra de Deus, essa obediência é a SANTIFICAÇÃO, que também pode ser descrita como a inteira conformidade com a Lei em observância de todos os mandamentos por parte de quem tem o caráter de Cristo!

Lindo não é? não... e explico por que...

Vamos avaliar a questão mais detidamente. Perceba as palavras de Paulo:

"...NÃO por obras de justiça praticadas por nós, mas segundo sua misericórdia, ele nos salvou mediante o lavar regenerador e renovador do Espírito Santo que ele derramou sobre nós ricamente, por meio de Jesus Cristo, nosso Salvador, a fim de que, justificados por graça, nos tornemos seus herdeiros, segundo a esperança da vida eterna."
(Tito 3:5-7)

Podemos fazer a equação: "obras de justiça prática = santificação?". Sim, sem dúvida... obedecer a palavra em inteira conformidade com a lei observando todos os mandamentos é manifestar muitas obras de justiça na prática. Precisamos admitir isso... EGW mesma diz: "Quando a lei de Deus é inscrita no coração, será manifestada numa vida pura e santa...Seu prazer é praticar a justiça" (Este dia com Deus, p. 144).

Mas perceba bem, em Tito 3:5-7 Paulo apresenta a SALVAÇÃO como realidade concedida ao homem unicamente por causa da MISERICÓRDIA que Deus derrama ricamente por meio de Jesus, com o objetivo de justificar as pessoas por Sua graça e lhes dar herança e esperança de vida eterna, e NÃO como consequência de "obras de justiça"... Paulo nega que a SALVAÇÃO seja conquistada em última instância através de uma vida santificada/justa.

Aqui começamos a desvendar o "mistério".

Não há nada na Bíblia que desabone os ideais de uma vida santificada na prática como FRUTO da salvação, mas a Bíblia não apresenta a santificação como a RAIZ da salvação...

Porque pela graça sois salvos, mediante a fé; e isto NÃO VEM DE VÓS. NÃO DE OBRAS PARA QUE NINGUÉM SE GLORIE.
(Efésios 2:8).

A SALVAÇÃO SIMPLESMENTE NÃO "VEM" DE NOSSA SANTIFICAÇÃO, ou OBRAS... ponto final.

Alguns imediatamente começam a ironizar: "Ah, mas então Hebreus 12:14 está errado? Os textos de Ellen White estão errados? Olha pastor ezequiel, essa mensagem agrada os adventistas MUNDANOS, PÓS-MODERNOS, RELATIVISTAS e SATÂNICOS viu? cuidado..."

Perceba alguns detalhes simples:

O texto de hebreus JAMAIS diz: a santificação é o caminho apontado por Deus ao homem para que este CONQUISTE/MEREÇA a bem aventurada experiência de ver o Senhor, e que "ver o Senhor" é um sinônimo de "atingir a salvação"...

O texto simplesmente traz um alerta negativo (sem santificação ninguém verá o Senhor) e não uma constatação positiva (sua santificação é o que define a sua salvação em última instância)...

A função desta verdade, em seu contexto, é alertar as pessoas para que elas não desanimem da caminhada cristã apesar das dificuldades espirituais (Hebreus 12:12-13) e principalmente para que elas não se separem da GRAÇA de Deus em troca do pecado (Hebreus 12:15-16). Uma vez que se assim fizerem elas estarão às portas de cometer o pecado contra o Espírito Santo (Mateus 12:31; Hebreus 10:26-31).

Enquanto o cristão está nesse mundo, ele só tem duas opções práticas em sua forma de viver, ou ele se desvia da santificação e se aprofunda no pecado, ou se desvia do pecado e se aprofunda na santificação. O apelo do escritor bíblico é que os destinatários de sua carta entendessem a necessidade de viverem a segunda opção, não para conquistarem sua própria salvação por si mesmos, o que é impossível (cf. Hebreus 2:3, 3:12-15, 4:15-16, 6:9-12, 9:12-14, 10:19-22, 32-39, 13:20-21), mas unicamente para evitarem o caminho do pecado que não te perdão.

Não vemos, nem de longe, a mensagem da salvação ATRAVÉS da santificação no contexto imediato da passagem. Além disso, mesmo que tal mensagem se encontrasse aí nós ainda poderíamos lembrar que a própria santificação é vivenciada pela FÉ (Atos 26:18), à semelhança da justificação (Romanos 3:28).

Alguns adventistas, porém, inexplicavelmente fortalecem seus protestos ao ver o rumo ao qual a Bíblia nos conduz nesse assunto!!!

Espere aí!!! Dizem eles, ELLEN WHITE É CLARA em estabelecer a santificação (necessária para se ver ao Senhor, segundo o texto bíblico) como obediência à lei de Deus, ou seja, "inteira conformidade com a Lei em observância de todos os mandamentos". Portanto, para desfrutar a salvação em última instância alguém necessita de tal santificação, uma experiência que lhe torne digno ou apto de finalmente "ver o Senhor", e tal salvação só será atingida por quem obedece a lei de Deus.

É nesse ponto da discussão que comumente mentiras "piedosas" se intrometem na verdade e enganam aqueles que infelizmente "não deram crédito à verdade" (2 Tessalonicenses 2:12. cf. João 17:17).

Um dos maiores problemas de nossa geração de adventistas é a falta de conhecimento bíblico aliado a uma leitura herética e indefensável dos escritos de Ellen White.

Vamos raciocinar brevemente com os pressupostos das pessoas que defendem a santificação como meio de atingir a salvação. A conclusão seria mais ou menos a seguinte: "Nas passagens que lemos nesse estudo, Ellen White ensinou que a santificação (um estilo de vida correto, em harmonia completa com a lei de Deus) resulta em salvação em última instância, e quem não experimenta essa santificação está e estará perdido."

Caso Ellen White tivesse realmente ensinado isso teríamos um probema insolúvel diante de nós... Veja as palavras da própria mensageira do Senhor:

"Se juntássemos tudo que é bom e santo, nobre e belo no homem, e apresentássemos o resultado aos anjos de Deus, como se desempenhasse uma parte na salvação da alma humana ou na obtenção de mérito, a proposta seria rejeitada como traição." (Fé e obras, p. 24)

Caso as conclusões "lógicas" de algumas pessoas estivessem corretas, este texto tão claro e maravilhoso estaria errado, plenamente errado, e não poderia ser atribuído à inspiração Divina... Simples assim...

Juntar TUDO que é "bom, santo, nobre e belo" é reunir TODA a SANTIFICAÇÃO possível de ser atingida durante um vida inteira (lembre-se que para Ellen White a santificação nunca chega ao fim, é obra da vida toda). Segundo lógica de alguns, essa santificação toda, se genuína, deveria ter um resultado: Um ticket pra ver o Senhor ao santificado em questão, o que eles pensam ser um ticket para a salvação!!! Parabéns, VOCÊ venceu!!!

Agora, percebam a argumentação direta e clara de Ellen White.

Ela não apenas nega que tudo que é bom, santo, nobre e belo no homem (santificação) possa lhe salvar. Ela nega que TUDO isso possa sequer desempenhar "UMA PARTE" na salvação da alma humana...

Ou seja, TUDO QUE FIZERMOS de bom, santo, nobre e belo, NÃO NOS CONCEDE NEM MESMO 0,0000000000000000000000001 % de "SALVAÇÃO"...

E caso tentássemos apresentar uma proposta nessa direção? Seríamos acusados como traídores do céu pelos anjos de Deus!!! E é exatamente isso que alguns têm se tornado, traídores do céu em nome de sua interpretação "lógica" de certos textos de Ellen White...

Entretanto, quando Ellen White fala de santificação como "obediência" à lei de Deus ela simplesmente está prevenindo o engano que faz alguns pretender santificação enquanto vivem em transgressão deliberada da lei de Deus, especialmente do sábado, conforme ocorre a postura do mundo cristão em geral de sua época. Pretendiam estar "santificados", mas não obedeciam o quarto mandamento, o que lhes colocava em maus lençois com Tiago 2:10...

Tais mensagens sobre santificação da parte de Ellen White, porém, jamais foram dadas para fornecer argumentos em favor de que em última instância somos nós que devemos nos salvar a nós mesmos; uma obediência absolutamente perfeita da lei; igualar o nosso caráter ao modelo do caráter de Cristo, etc. Conclusões estas que Ellen White nega claramente:

"Visto como somos pecaminosos, profanos, não podemos obedecer perfeitamente a uma lei santa. Não possuímos justiça em nós mesmos com a qual pudéssemos satisfazer às exigências da lei de Deus."
(Caminho a Cristo, p. 62)

"O ensino dado com relação ao que é denominado "carne santa" é um erro. Todos podem obter agora corações puros, mas não é correto pretender nesta vida possuir carne santa. [...] Nem uma pessoa dentre vós tem agora carne santa. Ser humano algum na Terra tem carne santa. E uma impossibilidade. Se aqueles que falam tão francamente de perfeição na carne, pudessem ver as coisas sob seu verdadeiro aspecto, recolher-se-iam com horror de suas idéias presunçosas. [...] E se bem que não possamos pretender a perfeição da carne, podemos possuir perfeição cristã da alma."
(Mensagens escolhidas, v. 2, p. 32)

"ela [a lei de Deus] não podia justificar o homem, porque em sua natureza pecaminosa este não poderia guardar a lei"
(Patriarcas e Profets, p. 373).

"Cristo é nosso modelo, o perfeito e santo exemplo que nos é dado seguir. Não podemos nunca igualar o modelo, mas podemos imitá-lo e nos assemelharmos a ele segundo nossa capacidade."
(Cristo triunfante, p. 203).

Portanto, se dependêssemos de uma santificação absolutamente perfeita pelo padrão da lei moral de Deus para ganharmos nossa salvação em última instância, iríamos TODOS para o inferno, sem uma única excessão...

Perceba:

"No plano da redenção, Cristo é o Alfa e o Ômega - o Primeiro e o Último."
(Patriarcas e profetas, p. 367)

"Como o plano da redenção começa e finda com um dom, assim deve ele ser levado adiante."
(Exaltai-o, p. 279)

No pensamento de Ellen White é inconcebível que o plano da redenção comece com Cristo e termine conosco, comece como um dom e termine como uma conquista humana.

Caso a salvação fosse atingida pelos meios da santificação perfeita da lei de Deus um simples vislumbre da verdade bíblica terminaria com todas as esperanças de Salvação para TODOS OS SERES HUMANOS NA FACE DESTA TERRA.

A bíblia diz: "O pecado é a trangressão da lei" (1 João 3:4) e "não há homem justo sobre a terra que faça o bem e que não peque" (Eclesiastes 7:20). Não há seres humanos que não trasgridam a lei de Deus em algum sentido. FIM...

Eu poderia terminar essa mensagem aqui, mas quero ilustrar o nível da deturpação do EVANGELHO a que chegamos...

Um pastor adventista, publicou a seguinte imagem em seu perfil do facebook


E uma pessoa ali comentou o seguinte, pasmem:

"Fazer o que né Pr. X? Agora, temos a desculpa cultural! E a salvação é somente pela fé, tornando as obras desnecessárias, segundo o conceito dos adventistas secularistas! As obras podem ser desnecessárias para a justificação, visto que ela ocorre unicamente pela fé no sacrifício de Cristo.Mas nunca para a santificação, visto que, por meio delas, demonstramos se estamos sendo santificados ou não. Se uma pessoa não apresenta mudança no seu estilo de vida, andando segundo os costumes do mundo, não está sendo santificada. E sem santificação, sem salvação! abraços"

O referido pastor ainda curtiu o tal comentário demonstrado sua concordância com o absurdo escrito, o que, inclusive, me parece que soou como elogio à sua pessoa!!! Hã???

(FIM DO MUNDO)

Vamos recuperar a calma, e vamos por partes:

1) A mensagem na imagem veículada pelo pastor é indecifrável sem auxílio sobrenatural, pode significar mil coisas e quase todas elas heréticas (o estilo de vida X ou Y ou Z redunda em SALVAÇÃO para seus adeptos). Além disso o autor da mesma não elucida a quais textos de Paulo ele está fazendo referência e nem como as mensagens em torno do "estilo de vida" se relacionam com a experiência/doutrina da Salvação. Ou seja, estamos diante de mais uma frase gratuita e sem sentido, apenas e tão somente isso.

Já por essa única razão, o único comentário sério que mereça ser escrito debaixo de uma mensagem dessa natureza é: "O que exatamete você quis dizer com essa frase? "Uma ajuda para ilustrar a dúvida poderia legitimamente vir em formas de Hashtags: #Mistério #Incompreensível #Insondável #OTerceiroSegredoDeFátima ou qualquer outra segundo a imaginação humana puder conceber.

2) Mas não... Além de tudo, ainda lemos as pérolas daquele que aparentemente costuma louvar o absurdo: "Fazer o que né Pr.? Agora, temos a desculpa cultural! E a salvação é somente pela fé, tornando as obras desnecessárias, segundo o conceito dos adventistas secularistas!"

AMADOS DE DEUS

Veja a ironia sobre a frase "E a SALVAÇÃO é somente pela fé, tornando as obras desnecessárias, segundo o conceito dos secularistas" (ênfase minha)

Lindo né?

Mas nao é que isso me faz lembrar um texto de uma adventista (secularista??? hum...) bem famosa...

"Não há um ponto que necessite ser realçado com mais diligência, repetido com mais freqüência ou estabelecido com mais firmeza na mente de todos, do que a impossibilidade de o homem caído merecer alguma coisa por suas PRÓPRIAS e MELHORES boas OBRAS. A SALVAÇÃO É UNICAMENTE PELA FÉ EM JESUS CRISTO" 
(Ellen White, Fé e obras, p. 19)

Precisa dizer mais alguma coisa? precisa...

Uma pessoa que escreve: "sem santificação, sem salvação" muito dificilmente compreende uma coisa (santificação) ou outra (salvação).

Na Bíblia, todos os chamados "santos" (à exceção de Deus/Cristo/Espírito Santo e anjos de Deus) eram ainda PECADORES no exato momento de sua caracterização como "santos".

Paulo escreve aos "santos" em Corinto e os repreende por inúmeros PECADOS... O mesmo ocorre com todos que Paulo chama de santos (cf. Romanos 15:25-26, Efésios 1:1, Filipenses 1:1; Colossenses 1:2, Hebreus 3:1, etc.). 

Lembrando que, à exceção de Cristo, se há homens santos no resgistro bíblico e não há homem que não peque (Ec 7:20), então TODOS OS SANTOS HUMANOS FORAM PECADORES E NÃO DEIXARAM DE SER PECADORES por causa de sua experiência de justificação/santificação pela fé em Jesus Cristo (cf. Romanos 5:8, 7:14-25; Tiago 3:2, 1 João 1:8-10, etc.).

Além de tudo isso, as próprias CRENÇAS FUNDAMENTAIS (a mensagem BÁSICA da IASD) adventistas afirmam:

"Nem a justificação nem a SANTIFICAÇÃO resultam de obras meritórias. Ambas são devidas unicamente à graça e à justiça de Cristo. [...] Os crentes são tratados como 'SANTOS' por que estão 'em Cristo' [...] e não por haverem alcançado um estado de ausência de pecado" (Nisto Cremos, p. 155).

Mas perceba, querido leitor, a que ponto estamos caminhando. A mensagem básica do Evangelho está se tornando uma mensagem "SECULARISTA" na mente de alguns adventistas, o que implica dizer em uma mensagem INFIEL, MENTIROSA, e daí pra baixo... E tudo em nome da elevada visão de santificação/estilo de vida que eles IMAGINAM (e precisam imaginar mesmo!!!) encontrar em Ellen White!

Essa é a ceifa que temos colhido por gastarmos tempo demais NÃO ENSINANDO A VERDADE DA PALAVRA DE DEUS para os membros de nossa igreja...

Vamos nos apressar enquanto é tempo...

OBS: minha luta não é contra a carne, mas contra principados e potestades, os dominadores deste mundo tenebroso, contra as forças espirituais do mal, nas regiões celestes. (Eféios 6:12), por isso o nome do Pr. X foi omitido ainda que alguns possam saber quem ele é... mas ele, como pessoa, não é o meu foco... respeitem isso e não procurem alimentar rivalidades onde não existe rivalidade... podemos representar categorias diferentes de pensamento dentro da igreja, mas estamos unidos sob a bandeira dos mandamentos de Deus e da fé em Jesus Cristo... Mesmo por que eu preciso estar em "paz com todos" e em santificação senão não conseguirei conquistar minha própria salvação... (af...)

Abração a todos(as)!

Maranata
Pr. Ezequiel Gomes

Saibam mais...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...