quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

Um só Deus, o Pai (Sermão em áudio)

todavia, para nós há um só Deus, o Pai, de quem são todas as coisas e para quem existimos; e um só Senhor, Jesus Cristo, pelo qual são todas as coisas, e nós também, por ele. 
1 Coríntios 8:6

Para ouvir esse sermão apenas clique em Play


Muitos antitrinitarianos procuram textos bíblicos que possam ser usados como fontes de acusação contra aqueles que creem na doutrina da Trindade e 1 Co 8:6 é um dos preferidos deles nesse sentido. Portanto decidi avaliar esse texto à luz da doutrina bíblica da Trindade e você pode conferir o resultado ouvindo essa mensagem!


Graça e Paz!!!

2 comentários:

Jamison Nascimento Santos disse...

Pastor Ezequiel Gomes,
Sua explanação é admirável, parabéns; mas permita-me alguma indagação, com todo respeito. Inicialmente, o senhor destaca a dificuldade na avaliação do tema, a complexidade que atrapalha o devido entendimento do assunto, e ao mesmo tempo relaciona a persistência do debate a aspectos particulares, interesses sociais e etc, e ao final do sermão destaca que se deve ter cuidado ao estudar a bíblia para não ser facilmente levado ao engano (como se os antitrinitarianos fossem apenas estudiosos sem cautela que questionam a legitimidade dos escritos bíblicos). Ora, se o debate é complexo, se o entendimento sobre o assunto não é fácil, o senhor deve concordar que há pessoas bem intencionadas, estudiosas e cautelosas, que se dedicam seriamente e com muita aplicação ao estudo bíblico e ainda assim defendem o ponto de vista antitrinitariano, devido sua complexidade. Eu mesmo conheço denominações, ou segmentos teológicos que são antitrinitarianos (ou se posicionam diferente com relação à existência do pai, filho e espírito santo) que não contestam nenhuma passagem bíblica, que aceitam a bíblia em sua totalidade e ainda assim possuem argumentos respeitáveis, e estão tão comprometidos como eu e você com a verdade bíblica. Eu tenho ainda profunda inquietação com o assunto, e gostaria que o senhor me respondesse através desse meu comentário, quais são as implicações graves ao cristianismo adventista quando se dispensa a ideia da trindade? Eu sempre me simpatizei com essa ideia, e sou absolutamente descomprometido com qualquer outro interesse que não seja a verdade sobre Deus, e estou absolutamente disposto a mudar meu modo de pensar. Ajude-me, por favor, nesse sentido!
mais uma vez, obrigado pela atenção!

Ezequiel Gomes disse...

Olha Jamison, as implicações de não se crer na doutrina da Trindade giram em torno da dificuldade que as pessoas que assim o fazem têm em entender os textos bíblicos em torno dessa questão. Por exemplo, a Bíblia ora se apresenta a noção da unidade da Divindade (Deus é um) ora se apresenta a noção de pluralidade da Divindade (estava com Deus e era Deus). Antitrinitarianos precisam torcer alguns desses tipos de texto para fazer sua teoria permanecer em pé, e eles o fazem, muitas vezes, através de argumentos retirados da crítica textual que lança dúvidas sobre esse tipo de porção do texto como João 1:1, e etc. Esse tipo de postura não coaduna com a postura cristã/adventista de aceitar toda a Palavra de Deus como Verdade (Salmo 119:160; João 17:17). Um abração!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...